28 anos

Posted on 9 setembro 2009

3


Hoje comemoro 28 anos de vida. Pensei em escrever um post comemorativo, a exemplo do que fiz nos últimos anos. Optei, porém, por não fazê-lo. Resolvi tão-somente deixar aqui uns versos que meu compadre de aventuras Camilo Paquita deixou como dedicatória do livro que me deu de presente. Segundo ele, são palavras de uma máxima Saharaui, retiradas do Tuareg, de Alberto Vásquez-Figueroa:

El guerrero que se distrae

pensando en lo que hará

después de la batalla

perderá la batalla,

y el viajero que se distrae

pensando en lo que hará

al final del viaje

jamás llegará a su destino.

Tuareg

Tuareg